…acordei hoje, depois do dia do “fim do mundo”.